16 de janeiro de 2022

Contato



Dica cultural de sexta: Diego Rivera

Rivera faleceu em sua casa

A dica cultural desta sexta-feira (26) é o pintor mexicano Diego Rivera. Diego Maria de la Concepcion Juan Nepomuceno Estanislao de la Rivera y Barrientos Acosta y Rodríguez nasceu em 8 de dezembro de 1886. Rivera foi um dos maiores pintores mexicanos.

 

 

Desde sempre, ele quis ser pintor e todos percebiam ter talento para isso. Ainda na juventude, estudou na Europa e teve contato com vários pintores da época, como Pablo Picasso, Salvador Dalí, Juan Miró e o arquiteto catalão Antoni Gaudí, que influenciaram suas obras.

 

Rivera ficou conhecido pelos gigantescos murais que pintou, obras que contavam a história política e social do México, mostrando a vida e o trabalho do povo mexicano, seus heróis, a terra, as lutas contra as injustiças, as inspirações e aspirações.

 

 

A vida pessoal foi bastante tumultuada, fora casado quatro vezes. A sua primeira esposa foi a pintora russa Angelina Beloff. Após anos de casados, Diego entra em depressão ao ficar viúvo. Casou-se, em seguida, com Guadalupe Marín e após a morte de sua terceira esposa, a famosa Frida Kahlo, com quem se casou em 1929, casou-se com Emma Hurtado.

 

Rivera faleceu em sua casa (convertida em Casa Estúdio Diego Rivera) na cidade do México, México, no dia 24 de novembro de 1957, aos 70 anos.

 

Fonte: Sindiserf/RS com informações da Wikipédia e Ebiografia